Não encontrou o que procurava? Faça sua busca logo abaixo:

Visita técnica troca informações com a Unicamp na ETE Quilombo
Publicado em 11 de Julho de 2018 por Assessoria de Imprensa
 Um grupo de pós-graduandos em Engenharia Agrícola pela Unicamp (Universidade Estadual de Campinas) realizou na sexta-feira (6) uma visita técnica na ETE (Estação de Tratamento de Esgoto) Quilombo, em Nova Odessa. Houve a troca de informações e conhecimentos dos especialistas da Feagri (Faculdade de Engenharia Agrícola) e a Coden (Companhia de Desenvolvimento de Nova Odessa).

Vieram seis dos estudantes que participaram do 1º Fórum Acadêmico realizado na semana passada pela Feagri na Unicamp. “Entre os temas debatidos em dois dias era a tecnologia de tratamento de efluentes, visando à remoção de calcogênios (elemento químico)”, detalha o professor Ariovaldo José da Silva, que planejou como uma das atividades a visita à Estação de Tratamento de Esgoto novaodessense.

Os visitantes foram recebidos por Evaldo Coradini, responsável pela operação da ETA (Estação de Tratamento de Água) de Nova Odessa, por Thiago Jozer Domingos, chefe de equipe da ETE Quilombo, e Eric Padela, gerente do Departamento Técnico da Coden. “Foi uma visita técnica importante para a vivência teórico-prática dos participantes do Fórum”, destaca Ariovaldo da Silva.

Segundo o professor, os alunos da pós-graduação ampliaram os conhecimentos através da experiência. “Passa na prática os conceitos teóricos de sala de aula, contribuindo muito na formação dos estudantes”, acrescenta o especialista. Ariovaldo ainda trouxe o holandês Piet Lens, do ‘IHE Delft Institute for Water Education’, especialista em Bioengenharia, Engenharia Ambiental e Ecológica.

Holanda – Lens veio à ETE de Nova Odessa conhecer a tecnologia do sistema U-Box, oriunda de seu país. A ETE Quilombo é uma das maiores obras públicas do Brasil a adotar a tecnologia, considerada a melhor disponível para países tropicais. O sistema não demanda a construção de lagoas a céu aberto, possuindo dois tipos de reatores instalados no mesmo tanque de concreto armado e “empilhados”.

O sistema U-Box economiza espaço físico e reduz custos operacionais da Estação de Tratamento de Esgoto, sendo totalmente automatizado e com baixo impacto ambiental, além de praticamente não gerar odores e consumir menos energia do que outras tecnologias. “É uma metodologia moderna e que estamos buscando melhorar ainda mais a sua eficiência na prática”, ressalta Thiago Domingos.

A ETE Quilombo é responsável por quase todo o tratamento de esgoto da cidade. É o local para onde vai 95% do esgoto doméstico coletado no município, que é 100% tratado e devolvido na forma de água limpa ao Ribeirão Quilombo. A troca de informações e conhecimentos teve como base os processos de tratamento do esgoto, realizados biologicamente, ou seja, com uso de colônias de bactérias.

O chefe de equipe da ETE Quilombo avalia como ‘benéfica’ a visita técnica dos estudiosos da Unicamp. “Foi um benefício recíproco, com o intercâmbio de informações e conhecimentos. É muito importante essa parceria com estudantes e pesquisadores, para trazer melhorias e soluções”, completa Thiago. O técnico chegou a sugerir temas de pesquisas aos especialistas, que prometem voltar em novas visitas.

No último dia 4, a Prefeitura e a Coden entregaram a 3ª fase da ETE Quilombo. Com investimento de R$ 6,8 milhões, houve a construção do 4º tanque com o reator, ampliando a capacidade de tratamento de esgoto em 46 litros por segundo, o quê garante a disponibilidade do serviço a 20 mil futuros moradores. No total, a Estação de Tratamento de Esgoto Quilombo já recebeu mais de R$ 35 milhões em investimentos.
INSTITUCIONAL
FALE CONOSCO

Rua Eduardo Leekning, 550, Jardim Bela Vista - Nova Odessa/SP
Horário de atendimento ao consumidor: de segunda a sexta-feira das 8:30h as 16:00h - (19) 3476-8500 | (19) 0800-7711195
MÍDIAS SOCIAIS
Facebook Twitter