Não encontrou o que procurava? Faça sua busca logo abaixo:

Devido aos riscos, é proibido nadar e pescar nas represas da Coden

Como não foram projetadas para receber banhistas, nadar nas represas Recanto 1, 2 e 3 e também na Represa Lopes 1 representa risco de morte por afogamento, por isso o acesso às margens dos maciços é restrito às equipes de trabalho da própria Coden. Estes mananciais devem ser preservados, já que sua finalidade é tão somente a reservação de água para o abastecimento da população novaodessense.

Além de ilegal, a utilização indevida das represas por banhistas pode interferir na própria qualidade da água que é captada nestas represas e fornecida posteriormente à população. Ou seja, a água delas é utilizada para o abastecimento e consumo humano e a presença de banhistas traz risco de contaminação.

Além disso, a presença de pessoas em APPs (Áreas de Preservação Permanente) realizando qualquer tipo de veraneio traz risco de contaminação da água e danos ao Meio Ambiente protegido das matas ciliares em fase de reconstituição.
Segundo as equipes da Coden, apesar das cercas, das placas de proibição e dos diversos alertas feitos nos últimos anos através da imprensa, banhistas, veranistas e pescadores ainda podem estar utilizando indevidamente os reservatórios aos finais de semana.

Febre Maculosa


O Setor de Zoonoses da Secretaria Municipal de Saúde alerta também para a presença de capivaras silvestres nas margens das represas. As capivaras são as hospedeiras naturais do carrapato estrela, aracnídeo que transmite a bactéria da febre maculosa aos humanos, doença que pode matar.

Crimes diversos


Além de assumirem todos os riscos e responsabilidades acima, eventuais banhistas e veranistas também praticariam o crime definido pela Lei de Crimes Ambientais (Lei Federal 9.605/98) ao nadar nas represas e ao sujar estes locais, e infringiriam o Código Florestal (Lei Federal 4.771/65) ao invadir as APPs. Nas represas, as APPs correspondem a uma faixa de 50 metros contados a partir das margens, em todas as direções.
Há ainda o crime de dano ao patrimônio público cometido por quem corta as cercas instaladas pela Coden para ter acesso às margens dos mananciais.
Quem for flagrado ainda pode ser autuado por invasão de propriedade, já que as áreas adjacentes às represas são particulares. A prisão em flagrante pode ser feita pela Polícia Militar, Polícia Militar Ambiental e pela Guarda Municipal.

Ficou com alguma dúvida? Entre em contato com nossa equipe aqui
INSTITUCIONAL
FALE CONOSCO

Rua Eduardo Leekning, 550, Jardim Bela Vista - Nova Odessa/SP
Horário de atendimento ao consumidor: de segunda a sexta-feira das 8:30h as 16:00h - (19) 3476-8500 | (19) 0800-7711195
MÍDIAS SOCIAIS
Facebook Twitter